Biografia…

Patrícia Henriques (1975), é paulistana e vive em São Paulo,  formou-se Bacharel em Artes Plásticas pelo Instituto de Artes da Unesp. Desde a graduação (1996), o tridimensional sempre foi sua predileção e  a cerâmica ocupou esse espaço de preferência, aliado
às temática da fauna e flora,  presentes em seu trabalho, bem como o uso da palavra em alguns objetos.

Durante os anos de graduação, trabalhou em diversos museus e instituições culturais em São Paulo, como educadora – Liceu de Artes e Ofícios, Pinacoteca do Estado, MASP, Mab-Faap, Itaú Cultural, Fundação Bienal e Galeria da Fiesp.

Atualmente, trabalha em seu ateliê de cerâmica, no qual se dedica à produção de peças utilitárias e objetos escultóricos. Periodicamente, realiza workshops, cujos temas – conjugados com o conhecimento técnico da cerâmica – transitam entre ancestralidade, comensalidade e história das artes.

Em 2016, ministrou aulas sobre a linguagem da cerâmica nas unidades do Sesc São Paulo e também participou do Festa – Festival do Aprender.

Elaborou um curso on-line para a plataforma da Eduk – Cerâmica Primeiros Passos (2018) E no mesmo ano, recebeu o prêmio aquisição “I Bienal de Artes”, pela Secretaria Municipal de Cultura de Taubaté.

Participou da equipe curatorial do Prêmio Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura (2019), pela Fundação Catarinense de Cultura.

Em 2020, foi contemplada com a Lei de Emergência Cultural  Aldir Blanc, pela Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo.

Site  http://www.ceramicapatriciahenriques.com
Instagram
@ceramicapatriciahenriques
com exposição de seus trabalhos

Para os resultados obtidos pelos alunos e processos de aula  criou o perfil @aulasdeceramica no mesmo aplicativo.